Notícias | GERAL

Torneios esportivos de videogame conquistam espaço no mundo do entretenimento

Foto: Unsplash

A evolução dos jogos eletrônicos tem inundado o mercado com novidades que animam cada vez mais os fãs do universo onde absolutamente nada é impossível. Andando lado a lado com o que há de mais novo em tecnologia, os games têm conquistado cada vez mais espaço e mostrado que não há limites para os desafios arquitetados nesse meio.

Aqueles que não conhecem os termos do universo gamer podem não entender o que são os eSports e qual a sua grandiosidade perante a atualidade. Não há razões para complicar o descomplicado: os eSports são competições organizadas de jogos eletrônicos, de acordo com o portal FIA. Estas competições acontecem fazendo uso da conectividade entre jogadores, que disputam a vitória entre si em tempo real.

O conceito faz ainda mais sentido ao analisarmos a atualidade das nossas relações pessoais. Com a difusão da internet móvel, estamos cada vez mais conectados com o mundo e nos relacionamos pela internet em maior ou igual frequência com que o fazemos pessoalmente. A dinâmica da coletividade penetrou na forma como jogamos e gerou uma mudança de grande sucesso entre os fãs de videogames. Os efeitos dessa revolução na jogabilidade acabaram exigindo que os jogadores explorem mais suas habilidades estratégicas, uma vez que a complexidade nos torneios é uma das maiores preocupações entre seus participantes.

Tudo isso despertou uma legião interessada em acompanhar os torneios, que contam com jogadores profissionais e megaeventos ao redor do mundo todo, tal como acontece com os torneios mundiais de futebol, por exemplo.

É como se fosse de verdade

A aproximação do formato dos eSports com as competições na “vida real” é tanta que o mercado já se mobilizou para acompanhar o crescimento da não tão nova indústria de entretenimento. Da mesma forma que é possível acompanhar as competições esportivas da vida real em sites especializados em notícias e dicas de apostas, os eSports também ganharam plataformas especializadas. Organizações locais de jogos de videogame com temática de futebol, por exemplo, têm o hábito de criar campeonatos oficiais que valem premiações em dinheiro e rankings, como acontece no Arte Virtual Fifa Clube, uma comunidade brasileira da Fifa que promove não só os torneios, mas também jogadores profissionais.

Além disso, há que se fazer menção ao sucesso absoluto de transmissão de partidas de esportes eletrônicos via canais de streaming, inclusive com a criação de uma plataforma de dedicação quase que exclusiva aos gamers, o Twitch. No Brasil, o sucesso dos eSports e de streamings deste setor é incontestável: estamos atrás apenas da China e dos Estados Unidos na audiência total, de acordo com o FIA.

O cenário é animador aos empreendedores, que encontram diante de seus olhos um universo cheio de potencial, e também aos jovens que sonham em atuar com o desenvolvimento de games. De acordo com a Época Negócios, o setor é tão fértil que a Intel considera investir no segmento, justificando que tanto a empresa quanto os eSports são caracterizados pela alta performance.

A expansão do mercado de eSports, inclusive em seus megaeventos e incentivos financeiros, foi bastante rápida. Contudo, é improvável que as surpresas relacionadas ao setor tenham seus dias contados. A tendência é de crescimento contínuo, conquistando cada vez mais espaço.

Por 📸@EldoGomes | Jornalista e YouTuber.