O que você precisa saber sobre o quarto dia de Rock in Rio

pós uma parada de três dias, o Rock in Rio voltará a agitar a Cidade Maravilhosa em grande estilo nesta quinta-feira (03/10/2019). Afinal, a noite será encerrada por um dos grupos mais populares do planeta: o Red Hot Chili Peppers. Antes da banda californiana, passarão pelo Palco Mundo o Capital Inicial, Nile Rodgers & Chic e Panic! At The Disco.

Red Hot Chili Peppers — Um dos principais grupos do mundo, o Red Hot Chili Peppers fará de sua sexta apresentação no Rock in Rio um evento explosivo. Afinal, como esperar menos desses norte-americanos que criaram verdadeiros hinos, como Give It Away, Under The Bridge, Otherside, By The Way, Californication e“Scar Tissue. Surgido em 1983, o conjunto atingiu fama mundial em 1991 com o álbum Blood Sugar Sex Magik, que vendeu mais de 19 milhões de cópias por todo o planeta. Hoje com mais de 100 milhões de discos vendidos e seis prêmios Grammy conquistados, o Red Hot Chili Peppers certamente vai agitar muito a Cidade do Rock, não só pela sua enérgica mistura de gêneros como funk rock, rock alternativo, rap rock, funk metal, punk rock e pop rock, mas também pela presença de palco sempre envolvente de seus integrantes: Anthony Kiedis (vocal), Flea (baixo), Josh Klinghofer (guitarra) e Chad Smith (bateria). Sem dúvida, um dos shows mais aguardados desta edição do Rock in RioDivulgação

Capital Inicial — Com mais de 35 anos de carreira, o Capital Inicial construiu uma carreira sólida e se tornou um dos principais conjuntos de rock do Brasil. Surgido em 1983, ainda mantém sua formação original, com Dinho Ouro Preto nos vocais, Flávio Lemos no baixo e Fê Lemos na bateria. Há ainda o guitarrista Yves Passarell, que entrou em 2002. Completando a banda, Robledo Silva no teclado e nos violões, e Fabiano Carelli na guitarra. Querido pelo público, o Capital Inicial costuma fazer shows eletrizantes, no embalo da empolgação de Dinho. Entre seus grandes hits estão Primeiros Erros, À Sua Maneira, Não Olhe Pra Trás, Natasha, Fogo, Tudo Que Vai, O Passageiro e Música Urbana, todas sempre cantadas em coro pelo público e lançadas ao longo de seus 14 álbuns de estúdio. Sem dúvida, um show para deixar o Palco Mundo bem aquecidoDivulgação

Nile Rodgers & Chic — Aos 67 anos, o norte-americano Nile Rodgers já se tornou uma lenda ao deixar sua marca de diversas maneiras: como compositor, guitarrista, produtor e arranjador. Ganhador por três vezes do Grammy e integrante do Hall da Fama do Rock and Roll, ele é conhecido por explorar as possibilidades da música e expandir seus horizontes. Nile Rodgers participou de alguma forma de álbuns que já venderam mais de 500 milhões de cópias no mundo inteiro. Um dos fundadores do Chic, fez o grupo ficar famoso musicalmente com hits como Everybody Dance, I Want Your Love e Le Freak. Sim, você com certeza já ouviu todas elas! Além disso, o artista produziu algumas das canções pop mais conhecidas de todos os tempos, como Like a Virgin, de Madonna, e Notorious, do Duran Duran. Entre outros nomes com os quais trabalhou estão Mick Jagger, David Bowie, The B-52’s, INXS e Lady Gaga. Com sua guitarra inspirada por estilos como soul, jazz e funk – o original, norte-americano –, Nile Rodgers certamente vai incendiar a Cidade do RockDivulgação

Panic! At The Disco — Formado em 2004, em Las Vegas (EUA), por Brendon Urie (vocais), Jon Waker (baixo), Ryan Ross (guitarra) e Spencer Smith (bateria), o Panic! At The Disco faz um som que reúne no mesmo caldeirão sonoro gêneros como pop rock, indie rock, pop punk, emocore, power pop, synth rock e electropop. A banda ganhou destaque internacional ao vencer o prêmio de Melhor Vídeo do Ano da MTV Awards em 2006 com a canção I Write Sins Not Tragedies. Com isso, ganhou visibilidade e emplacou duas outras faixas que se tornaram bastante conhecidas: Death of a Bachelor e High Hopes. Curiosamente, o sucesso também trouxe crises, que levaram às saídas de Jon, Ryan e Spencer. Assim, Brendon é hoje o único integrante oficial do Panic! At The Disco, embora uma banda o acompanhe nos shows, é claroDivulgação

Red Hot Chili Peppers — Um dos principais grupos do mundo, o Red Hot Chili Peppers fará de sua sexta apresentação no Rock in Rio um evento explosivo. Afinal, como esperar menos desses norte-americanos que criaram verdadeiros hinos, como Give It Away, Under The Bridge, Otherside, By The Way, Californication e“Scar Tissue. Surgido em 1983, o conjunto atingiu fama mundial em 1991 com o álbum Blood Sugar Sex Magik, que vendeu mais de 19 milhões de cópias por todo o planeta. Hoje com mais de 100 milhões de discos vendidos e seis prêmios Grammy conquistados, o Red Hot Chili Peppers certamente vai agitar muito a Cidade do Rock, não só pela sua enérgica mistura de gêneros como funk rock, rock alternativo, rap rock, funk metal, punk rock e pop rock, mas também pela presença de palco sempre envolvente de seus integrantes: Anthony Kiedis (vocal), Flea (baixo), Josh Klinghofer (guitarra) e Chad Smith (bateria). Sem dúvida, um dos shows mais aguardados desta edição do Rock in RioDivulgação

Capital Inicial — Com mais de 35 anos de carreira, o Capital Inicial construiu uma carreira sólida e se tornou um dos principais conjuntos de rock do Brasil. Surgido em 1983, ainda mantém sua formação original, com Dinho Ouro Preto nos vocais, Flávio Lemos no baixo e Fê Lemos na bateria. Há ainda o guitarrista Yves Passarell, que entrou em 2002. Completando a banda, Robledo Silva no teclado e nos violões, e Fabiano Carelli na guitarra. Querido pelo público, o Capital Inicial costuma fazer shows eletrizantes, no embalo da empolgação de Dinho. Entre seus grandes hits estão Primeiros Erros, À Sua Maneira, Não Olhe Pra Trás, Natasha, Fogo, Tudo Que Vai, O Passageiro e Música Urbana, todas sempre cantadas em coro pelo público e lançadas ao longo de seus 14 álbuns de estúdio. Sem dúvida, um show para deixar o Palco Mundo bem aquecidoDivulgação

Atrações do Palco Sunset

No quarto dia de Rock in Rio, o Palco Sunset terá a reunião de grandes expoentes do hip hop encerrando a noite: os rappers brasileiros Rael, que ganhou o prêmio de Melhor Cantor Brasileiro de 2017, e Rincon Sapiência, cujo álbum Galanga Livre foi escolhido o melhor de 2017 pela revista Rolling Stone, e o português Agir, tendo ainda Baco Exu do Blues. Todos acompanhados pela Nova Orquestra. Antes desse encontro, o rapper Emicida, um dos principais nomes do estilo no Brasil, vai se apresentar com as gêmeas franco-cubanas Lisa-Kaindé e Naomi Díaz, que formam o Ibeyi. Juntos, eles lançaram o single Hacia El Amor, em 2018. O Pará vai marcar uma forte presença com a carismática cantora Dona Onete, de 80 anos, a Rainha do Carimbó, Pio Lobato, um mestre da guitarrada, a icônica Fafá de Belém, Gaby Amarantos, o pop-eletrônico de Jaloo e Lucas Estrela, que está em ascensão. Para abrir a noite no Sunset, shows da banda Francisco, El Hombre e do grupo colombiano Monsieur Periné.

Do Metrópoles,
atualizado às 2h42am

Sobre eldogomes.com.br 7075 Artigos
Por 📸@EldoGomes | Jornalista e YouTuber.